Trearn | Presidente do Corinthians marca reuniões para decidir sobre Juninho

Presidente do Corinthians marca reuniões para decidir sobre Juninho


O debate em torno da contratação do atacante Juninho, 19 anos, deve ser selado pelo Corinthians até esta quinta-feira (9). O presidente do clube, Andrés Sanchez, explicou que pretende se reunir com as divisões de base do clube para definir se o time vai, ou não, assinar o acordo verbal que tem com a promessa que pertence ao Sport. Quem puxa corda para que a transferência seja concluída é o diretor do departamento amador, Nei Nujud, e o gerente do setor, Yamada. Eles acordaram o negócio pessoalmente com Juninho e seus representantes na terça-feira: olho no olho com o atleta, definiram a necessidade de cláusulas que permitam ao Corinthians rescindir contrato em caso de indisciplina. A conclusão é que o atacante é jovem, tem potencial e merece uma nova oportunidade. Por outro lado, a repercussão negativa pelo histórico disciplinar de Juninho, indiciado por agredir uma namorada, faz outros dirigentes se inclinarem para que o Corinthians desista da assinatura. Ainda assim, o presidente Andrés, que lidera o departamento, acredita que Juninho merece uma oportunidade de reparar os erros do passado, mas quer se atualizar de todos os detalhes para decidir. + Inter fecha com Paolo Guerrero e prepara anúncio por três temporadas Enquanto o comando da base tratava da contratação na terça, o clube divulgava um manifesto sobre a violência contra as mulheres. A avaliação de quem é contrário ao negócio é que essa contradição é ruim para a imagem corintiana. Por conta de reação popular semelhante à que o Corinthians viu nas últimas horas, clubes como o Fortaleza e o Cruzeiro já desistiram de Juninho após abrir tratativas em um passado recente. Já na base do Corinthians, a avaliação de que ele é um jogador de bastante potencial é antiga. Em 2016, com a final da Copa do Brasil Sub-17 contra o Sport, e o interesse dos pernambucanos em contratar o centroavante André naquela ocasião, dirigentes corintianos chegaram a pedir Juninho, o principal nome do rival, como moeda




2,458 | 2018-08-09 | Sport | Brazil | Click for source

Write by Dunha